Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/38913

TitleO Display da morte na ficção de José Saramago
Other titlesThe Display of death in the fiction of José Saramago
Author(s)Sousa, Sara Isabel Silva de Lima e
Advisor(s)Ribeiro, Eunice
Issue date23-Jul-2015
Abstract(s)A presente investigação debruça-se sobre a representação da morte no texto literário de José Saramago – um dos temas nucleares na sua obra, enquadrável na figuração dos contornos e limitações da condição humana. Numa escrita que transporta no seu código genético histórico-cultural a obsessão temática pela morte da literatura portuguesa moderna e a ambivalência e o perspetivismo pós-modernos, inserindo o autor num contexto de ocultação do corpo morto no quotidiano social, interessou-nos demonstrar o rumo de desvelamento e espetacularização da morte em Saramago – um conceito que tem a si inerente as semânticas do escaparate, da simulação e da performance. Num exercício de exumação e desdramatização da finitude, a feição do simulacro tanatológico saramaguiano resulta da interseção entre a representação crua e visceral e a figuração risível do tema – duas faces de um mesmo óbolo, que apelidamos de display e que nos interessa indagar. Numa primeira leitura, o conceito global de display é perspetivado no seu todo, conotando o conceito de exibição e espetáculo da morte e veiculando a assiduidade e a consistência do respetivo escaparate temático na obra saramaguiana – um conceito que subsume a conjunção de duas feições de representação. Desta forma, numa segunda leitura, num gesto de decomposição silábica, convocamos o lexema play, para realçar a conotação risível desse retrato e consideramos o prefixo de negação “dis”, contraditando a tonalidade jocosa inerente ao play e subsumindo a figuração grotesca com que o tema é retratado. Neste âmbito, analisamos a estética do display da morte, selecionando como corpus em estudo as obras que consideramos serem as mais ilustrativas da interseção que pretendemos demonstrar: Memorial do Convento, O Ano da Morte de Ricardo Reis, Todos os Nomes, As Intermitências da Morte e Don Giovanni ou o Dissoluto Absolvido. Na perspetiva do display, em convergência com o ideário pós-moderno, pretendemos assinalar também a escolha subjetiva inerente à representação lúgubre e risível da morte, tal como a ideia de subjetividade veiculada pela utilização saramaguiana da sinédoque e da metonímia como instrumentos de representação: uma estética que vai ao encontro da índole relativista e fenomenológica da pós-Modernidade, consubstanciando a incapacidade de conhecer e figurar a morte na sua essência e afirmando a necessidade de gizá-la, ainda que parcialmente – uma ausência que se faz presença por intermédio das figuras do corpo retalhado, do duplo e da própria escrita. Finalmente, numa diferente aceção do conceito de display, pretendemos indagar as singularidades da presente estética na representação da morte veiculada pelo género dramático/ operático saramaguiano – assinalando-lhe a índole performativa, num conceito renovado de espetacularização e de contemplação da morte.
This research is focused on the literary representation of death in the works of José Saramago – one of the core themes of his fiction, within the figuration of the features and the limitations of the human condition. With a writing that conveys in its historical and cultural identity the modern obsession with the theme of death and the ambivalences and perspectivism of post-modernity, inserting the author in a context of concealment of the dead corpse in daily life, we intend to show the way Saramago’s stories followed the opposite path of unveiling it, in a spectacle of death that subsumes the concepts of showcase, simulation and performance. In this context, we will read Saramago’s intersection between the visceral and the risible representations of death as an exercise of exhumation and de-dramatization of finitude – two sides of the same obol, that we name display and that we intend to discuss in the present work. At a first sight, the overall concept of display is taken into account as a whole, expressing the concept of exhibition and spectacle of death, conveying the frequency and the consistency of the theme in the works of the author – a concept that here implies the conjunction of two representative features. Thus, at a second sight, in a gesture of syllabic decomposition, we call on the lexeme play, enhancing the laughable connotation of that figuration and, at the same time, we consider the negative prefix "dis", contradicting the jocular tone conveyed by the word play and subsuming the fleshly figuration of the theme that is portrayed. In this context, we analyse the aesthetics of the display of death, addressing the works that we consider to be the most illustrative of the intersection we aim to demonstrate: Memorial do Convento, O Ano da Morte de Ricardo Reis, Todos os Nomes, As Intermitências da Morte and Don Giovanni ou o Dissoluto Absolvido. In the perspective of the display, in dialogue with the postmodern ideology, we also intend to point out the subjective choice that is intrinsic to the visceral and the risible representation of death, and to stress the notion of subjectivity implied in the author’s use of synecdoche and metonymy as instruments of figuration: an aesthetic that meets the relativistic and phenomenological nature of postmodernity, suggesting the inability to know and figure death in its essence and affirming the need to exhibit it, even if partially – an absence that is made present through the figures of the shredded body, through the representation of the double and through the thematization of writing itself. Finally, in a different approach of the concept of display, we intend to consider the aesthetic singularities of the representation of death conveyed by Saramago’s dramatic/operatic genre – stressing its performative nature, in a renewed concept of spectacle and of contemplation of death.
TypeDoctoral thesis
DescriptionTese de Doutoramento em Ciências da Literatura (área de especialização em Literatura Portuguesa).
URIhttp://hdl.handle.net/1822/38913
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Teses de Doutoramento
CEHUM - Teses de Doutoramento
ILCH - Teses de doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sara Isabel Silva de Lima e Sousa.pdf2,96 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID