Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/37683

TitlePrevenção do bullying no contexto escolar: implementação e avaliação de um programa de intervenção
Author(s)Pereira, Beatriz Oliveira
Brandão Neto, Waldemar
Zequinão, Marcela
Silva, Inês Peixoto
KeywordsBullying
Criança
Saúde escolar
Prevenção
Issue dateJul-2015
PublisherInstituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Educação (ESE-IPP)
Abstract(s)O bullying é considerado uma sub-categoria de comportamento agressivo, praticado por um individuo ou grupo e se manifesta de forma direta ou indireta. Como fenômeno sociocultural, o bullying apresenta importantes repercussões, a nível do desenvolvimento infantil, sucesso escolar, auto estima, saúde mental e personalidade da vida adulta. Os primeiros programas foram desenvolvidos por Olweus e operavam numa proposta ecológica de prevenção. Este modelo tem servido de base à implementação de intervenções em países da Europa, com avaliações positivas no que se refere a redução do comportamento de bullying. O objetivo deste trabalho é avaliar os impactos de um programa de intervenção na redução da agressividade e vitimização no contexto escolar. Trata-se de um estudo descritivo, com desenho pré (199 alunos) e pós intervenção (208 alunos) em que numa primeira fase foi determinada os níveis do bullying entre os estudantes do 1º e 2º ciclos, numa segunda fase a planificação e implementação do programa, numa terceira fase a avaliação. Para a recolha dos dados foi utilizada uma versão do questionário de Olweus adaptado à língua portuguesa. Os dados foram analisados pela estatística descritiva. Os resultados relevaram que, a curto prazo, o programa produziu efeito positivo na redução da agressividade, sendo no pré (25,1%) e pós (22,8%) e da vitimação, sendo no pré (25,6%) e pós (16,4%). Foi identificado que após a intervenção os casos mais graves de agressão se mantiveram, isto revela situações específicas de crianças em risco, o que demanda amplificar a atuação do programa no encaminhamento dos casos de foro clínico/saúde mental para os serviços de saúde. Conclui-se que é possível a elaboração de um programa de intervenção que envolva toda a comunidade escolar na prevenção do bullying. Recomenda-se que os programas fortalecem parcerias externas e desenvolvam a capacidade de continuidade e monitorização dos fatores desencadeadores e protetores do bullying.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/37683
ISBN978-972-8969-11-0
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEC - Textos em atas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PREVENÇAO BULLYING CONT ESCOLAR_PEREIRA B ET AL_SIEFLAS2015.pdf445,72 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID