Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/37632

TitleA institucionalização da gestão de projetos no portfólio de Ciência, Tecnologia e Inovação do Comando da Marinha do Brasil
Author(s)Souza, Thiago Silva e
Advisor(s)Araújo, Joaquim Filipe
KeywordsGestão de projetos
Project Governance
Maturidade
Legitimação
Defesa
Project management
Maturity
Legitimacy
Defense
Issue date2015
Abstract(s)A capacidade de associar projetos a metas operacionais e estratégicas requer maturidade na tomada de decisão. A Project Governance permite uma visão holística equilibrada das limitações da organização, seus desafios e contexto corporativo. A relevância da investigação está no gap de informações sobre a capacidade das Instituições Científicas e Tecnológicas (ICT) em atender a demanda da sociedade brasileira pela eficiente utilização do erário público destinado a empreendimentos do setor de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I). A pesquisa envolveu as oito ICT do Comando da Marinha do Brasil (MB) que compõem o Sistema de Ciência, Tecnologia e Inovação de interesse da Defesa (SisCTID), em apoio à Política Nacional da Indústria de Defesa (PNID). Os dados foram recolhidas por meio de survey on line, baseado no framework Prado- MMGP, sendo tratados estatisticamente para a mensuração do nível de maturidade em gestão de projetos. A utilização da Teoria Institucional, tendo como contraponto os conceitos de Project Governance e Maturidade possibilitaram a identificação da influência de mecanismos isomórficos relacionados ao processo de legitimação dessas atividades, representadas por sete fatores organizacionais: competência em gestão de projetos, competência técnica e contextual, competência comportamental, metodologia, informatização, alinhamento estratégico e estrutura organizacional. Verificou-se que o setor se encontra em processo de transição do estágio “Pré- Institucional” para o estágio “Semi-Institucional”, com dados indiciando a consolidação do processo de habitualização e fomento ao processo de objetivação da legitimação organizacional. Destacam-se como pontos fortes o alinhamento estratégico e a competência técnica e contextual, e como pontos fracos a competências em Gestão de Projetos e a Competência Comportamental. O equilíbrio de aderência dos fatores organizacionais ao perfil dos níveis de maturidade permitem depreender que há um Plano de Crescimento Estruturado para o setor. Todavia, pondera-se a necessidade de maior sensibilização do assunto junto às demais partes interessadas, a padronização de procedimentos (metodologia própria) e o fomento à gestão do conhecimento, com investimento em capacitação específica, reforçando assim o pilar normativo, preponderante no atual estágio de institucionalização do portfólio de CT&I da MB.
The ability to assign projects to operational and strategic goals requires maturity in decisionmaking. The Project Governance allows a balanced holistic view of the limitations of the organization, its challenges and corporate context. The relevance of research is the gap of information on the ability of Scientific and Technological Institutions (STI) to meet the demand of the Brazilian Society for the efficient use of public funds intended for projects in the Science, Technology and Innovation sector (ST&I). The research involved eight STI of Brazilian Navy that make up the Science, Technology and Innovation interest of Defense in support of the National Policy Defense Industry. Data were collected through online survey, based on the Prado-MMGP framework, statistically treated to measure the level of maturity in project management. The use of Institutional Theory, taking as counterpoint the concept of Project Governance and maturity allowed the identification of the influence of isomorphic mechanisms related to the legitimacy of these activities process, represented by seven organizational factors: project management competence, technical and contextual competence, behavioral competence, methodology, information technology, strategic alignment and organizational structure. It was found that the industry is in a stage of transition "Pre-Institutional" to stage "Semi-Institutional" with data indicating the consolidation of habitualization process and promoting the objectification process of organizational legitimacy. Stand out as strengths strategic alignment and the technical and contextual competence, and how the weaknesses skills in Project Management and Behavioral Competence. The adhesion balances of organizational factors to the profile of maturity levels allow conclude that there is a Structured Growth Plan for the sector. However, considering the need for greater awareness of the issue with other interested parties (stakeholders), standardization of procedures (own methodology) and the promotion of knowledge management, with investment in specific training, thus strengthening the normative pillar, predominant in the current institutionalization stage of ST&I portfolio of Brazilian Navy.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Estudos de Gestão
URIhttp://hdl.handle.net/1822/37632
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Thiago Silva e Souza.pdf11,51 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID