Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/35608

TitleInfecção hospitalar por Staphylococcus Aureus resistente à Meticilina associada aos Cuidados de Enfermagem
Author(s)Nogueira, Ana Catarina da Costa
Advisor(s)Macedo, Ana Paula
Cainé, João
KeywordsEnfermagem
Infeção – prevenção e controlo nos cuidados de saúde
MRSA
Metodologia de projeto
Competências clínicas
Nursing
Infection - prevention and Control on Health Care
SAMR
Project methodology
Clinic skills
Issue date31-Mar-2015
Abstract(s)No âmbito do Estágio do Mestrado em Enfermagem da Pessoa em Situação Crítica, da Escola Superior de Enfermagem da Universidade do Minho em consórcio com a Escola Superior de Enfermagem da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, decorrido numa Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente (UCIP) foi realizado o presente relatório. Este relatório para além de descrever e refletir sobre as atividades e competências desenvolvidas também descreve o projeto de intervenção desenvolvido no serviço ao longo do estágio, no âmbito da temática Infeção Associada aos Cuidados de Saúde (IACS). A IACS é um problema de maior importância para a segurança do doente, não só pelos efeitos nefastos que causa a nível da mortalidade, morbilidade e dos custos que lhe estão associados assim como pela falta de confiança e insegurança que provoca. O último inquérito nacional de prevalência de infeção, em 2012, revelou10,6% de doentes com IACS, sendo a unidade com maior prevalência de infeções a Unidade de Cuidados Intensivos e o Staphylococcus Aureus Resistente à Meticilina (MRSA) foi o microrganismo mais frequentemente isolado. Neste sentido, este projeto tem como principal objetivo contribuir para a diminuição da infeção hospitalar por MRSA na UCIP do hospital HB através da divulgação de recomendações de boas práticas de enfermagem baseadas na evidência no âmbito da prevenção e controlo de infeção. Seguindo a metodologia de trabalho de projeto foram aplicados questionários a 31 enfermeiros e uma grelha de observação a 5 enfermeiros. Dos 31 enfermeiros inquiridos 98% refere que sabe atuar perante a deteção de MRSA; 38,7% refere que deve adotar bata, luvas e máscara como equipamentos de proteção individual (EPI’s) e 100% reconhece que os profissionais de saúde são o principal veículo de transmissão de MRSA. Quando observados os procedimentos realizados pelos enfermeiros, verifica-se que estes utilizam bata e luvas como EPI’s, no entanto no que concerne ao procedimento higienização das mãos este raras vezes é realizado antes do contacto com o doente. A partir do diagnóstico de situação obtido foi implementada uma formação em serviço a todos os profissionais da UCIP para divulgação dos resultados e sensibilização para o problema. A adoção de medidas de prevenção e controlo de infeção adequadas, perante a deteção de um doente com MRSA, podem contribuir para a diminuição da IACS na UCIP, sendo que a correta higienização das mãos, nos diversos contactos com o doente, é uma das medidas a ser melhorada.
Under the extent of the internship of the Master Degree in Nursing of the People in Critical Condition, of the institution School of Nursing of the University of Minho in cooperation with the School of Nursing of the University of Trás-os-Montes and Alto Douro, elapsed in a Polyvalent Unit of Intensive Care (PUIC), that led to the elaboration of this report. This report in addition to the description and reflection of the activities and skills developed explains as well the intervention project that was developed during the internship, under the theme Healthcare – Associated Infections (HAI). HAI is a major problem to the safety of the patients, not only by the adverse effects that causes to the standard mortality, morbidity and costs associated with it and the lack of confidence and insecurity it causes. The latest national survey of prevalence of infection in 2012, revealed that 10,6% of the patients suffered of infections associated to health care, being the Intensive Care Units the ones that have shown more prevalence of infections and the Staphylococcus Aureus Methicillin Resistant (SAMR) where the most frequently isolated organism. So, the main objective of this project is contribute to the decrease of the hospital infection by SMAR on the PUIC of the hospital HB through the dissemination of best nursing practice recommendations based in evidence- of the prevention and control of infection. Following the work methodology of the project, 31 nurses answered to a questionnaire and 5 nurses have filled a grid of observation. Of the 31 respondents nurses, 98% stated that can act when a SAMR is detected; 38.7% stated that should use a medical gown, gloves and mask as personal protective equipment (PPE) and 100% recognizes that health professionals are the primary vehicle for transmission of SAMR. When observing the procedures performed by nurses, we noticed that they all use medical gown and gloves as PPE, however in what concerns to the hand washing procedures, they are rarely done before the contact with the patients. Through the analysis of the situation was implemented an in-service training to all professionals of the PUIC for the dissemination of results and alert about the problem. The adoption of appropriated measures regarding the prevention and infection control, when is detected a patient with SAMR, can contribute to the decrease of the HAI in the PUIC, the correct hand washing, during various contacts with patients is one of the measures that needs to be improved.
TypeMaster thesis
DescriptionRelatório de estágio de mestrado em Enfermagem da Pessoa em Situação Crítica
URIhttp://hdl.handle.net/1822/35608
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado Integrado
ESE-CIE - Dissertações de Mestrado/MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Catarina da Costa Nogueira.pdf5,25 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID