Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/34291

TitleAs práticas culturais dos imigrantes no Biblioteca Municipal de Valongo
Author(s)Rocha, Maria do Céu Nogueira da
Advisor(s)Rabot, Jean-Martin
KeywordsBiblioteca pública
Cultura
Imigração
Práticas culturais
Public library
Culture
lmmigration
Cultural practices
Issue date2014
Abstract(s)A Biblioteca Pública, porta de acesso local ao conhecimento, fornece as condições básicas para uma aprendizagem contínua, para uma tomada de decisão independente e para o desenvolvimento cultural dos indivíduos e dos grupos sociais. (Manifesto da IFLA/UNESCO sobre Bibliotecas Públicas, 1994) Na comunidade em que se insere, a biblioteca Pública deve ser um agente essencial na recolha, preservação e promoção da cultura local em toda a sua diversidade. A cultura é, o meio e a ferramenta do desenvolvimento social e individual, assim como a expressão dos relatos e narrações de um determinado grupo, de suas práticas e tradições. Verifica-se hoje uma crescente diversificação cultural, devido à fixação de populações migrantes nas suas áreas de influência, migrantes vindos de outros países europeus ou de outros continentes, migrantes fixados nos países de acolhimento. Portugal, tradicionalmente um país de emigrantes, tornou-se mais recentemente num importante destino de imigrantes. Em muitos aspectos, segundo Sacristán (2003:225), o pluralismo cultural coloca um repto ao pensamento dominante, aos pressupostos da educação e às suas práticas culturais. A Biblioteca Pública, como instituição destinada à comunidade, é um instrumento ao serviço da cultura e indispensável à formação. Como tal, deve providenciar materiais nas línguas faladas e lidas na comunidade, oferecer um conjunto de práticas culturais diversificadas e acessíveis a todos e não apenas a um determinado grupo na comunidade. Deve claro reflectir a diversidade cultural representada na comunidade.
The public library, the local gateway to Knowledge, provides a basic condition for lifelong learning, independent decision - making and cultural development of the individual and social groups. (IFLA/UNESCO Public Library Manifesto, 1994) On its own community, the Public Library should be an essential agent for picking, preserving and promoting the local culture at all forms of diversity. Culture is the mean and the tool of social and individual development, such as sharing stories and facts about a specific group's practices and traditions in that specific group. Nowadays it is visible a rising cultural diversity, due to immigration of people coming from other European countries or from other continents. Portugal, usually considered an emigrant country as because a country full of immigrants. In a lot of aspects, cultural pluralism puts an end to the dominant thought, to the education's assumptions and its cultural practices." (Sacristán, 2003:225) The Public Library as an institution intended for the community, it is an instrument at the service of culture and essential training. As such, should provide materials in languages spoken and read in the community, offering a diverse set of cultural practices and accessible to all and not just a particular group in community. Should clearly reflect the cultural diversity represented in the community.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Comunicação, Arte e Cultura
URIhttp://hdl.handle.net/1822/34291
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CECS - Dissertações de mestrado / Master dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE Capa.pdf1,21 MBAdobe PDFView/Open
TESE FINAL INTRODUÇÃO.pdf2,03 MBAdobe PDFView/Open
TESE FINAL BIOGRAFIA.pdf738,25 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID