Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/30569

TitleO underpricing, a rendibilidade anormal e a emissão de SEOs
Author(s)Gomes, João António Macedo
Advisor(s)Loureiro, Gilberto
KeywordsUnderpricing das IPOs
Teorias de sinalização
Informação assimétrica
Rendibilidade anormal
Emissão de SEOs
IPO underpricing
Signaling theories
Asymmetric information
Abnormal return
Seasoned equity offering
Issue date2014
Abstract(s)O underpricing das IPOs é um fenómeno investigado por diversos autores, que procuram compreender a sua existência e identificar os principais fatores que o originam. Nesta dissertação será dado maior ênfase aos fatores relacionados com as teorias de sinalização das IPOs. Estas defendem que as empresas boas sinalizam a sua qualidade para o mercado através de um maior underpricing das suas IPOs. Para além disso concluem que as empresas boas irão emitir uma SEO a um preço superior, anulando os custos superiores incorridos com o underpricing na emissão da IPO. O objetivo desta dissertação é, portanto, verificar se existe uma relação entre o underpricing das IPOs e a primeira emissão de uma SEO, no caso das empresas europeias. Os dados recolhidos em toda a investigação são provenientes das bases de dados SDC e DataStream e a metodologia utilizada baseia-se no artigo de Jegadeesh, Weinstein e Welch (1993). Esta dissertação investiga três hipóteses principais. A primeira estabelece que uma empresa que exiba um maior underpricing na sua IPO terá uma maior probabilidade de emitir uma SEO, até três anos após a IPO. A segunda hipótese prevê uma relação positiva entre o underpricing da IPO e o montante emitido na SEO. Por fim a última hipótese estabelece que uma empresa com um elevado underpricing irá regressar ao mercado com uma SEO mais cedo. Uma vez que não foi encontrada nenhuma relação significativa entre o underpricing das IPOs e a emissão de SEOs, foram elaboradas hipóteses alternativas. As hipóteses 1a) e 2a) estabelecem uma relação positiva entre a rendibilidade anormal após a IPO e a emissão de uma SEO de elevados montantes enquanto a hipótese 3a) relaciona negativamente a rendibilidade anormal após a IPO e o período de tempo entre a IPO e a SEO. A análise empírica vem confirmar estas três hipóteses alternativas. A análise dos modelos probit e tobit comprova que empresas com uma rendibilidade anormal superior após à IPO têm uma maior probabilidade de emitirem uma SEO de elevados montantes. Por outro lado essas empresas esperam menos tempo para regressarem ao mercado com uma SEO.
The underpricing phenomenon is a topic investigated by several authors, who try to understand and identify the main factors affecting it. In this dissertation I analyze factors related with the signaling theories. These theories argue that “high-quality” firms signal their quality to the market with a higher underpricing of their IPOs. “High-quality” firms will then issue a SEO at a higher price, offsetting the signaling costs of underpricing. The main goal of this dissertation is to examine the relation between IPO underpricing and the first seasoned equity offering (SEO) for European companies. All the data were collected using SDC and DataStream databases and the methodology mimics the work of Jegadeesh, Weinstein and Welch (1993). This dissertation investigates three main hypotheses. The first one establishes that a company with higher IPO underpricing will have a greater probability of a seasoned equity issue, up to three years after the IPO. The second hypothesis foregoes a positive relation between IPO underpricing and the amount issued on the SEO. Finally the last hypothesis establishes that a company with higher IPO underpricing will return to the market with a SEO sooner. Since no results were found with respect to the relation between IPO underpricing and SEO issue, three alternative hypotheses were formulated and tested. The hypotheses 1a), 2a) e 3a) establish that a SEO issue is better predicted by aftermarket abnormal returns than by IPO underpricing. The empirical analysis confirms these three alternative hypotheses. The probit and tobit analysis prove that companies with a higher abnormal return after the IPO have a higher probability of raising larger amounts of capital through a seasoned equity offering. On the other hand these companies return to the market with a SEO sooner.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Finanças
URIhttp://hdl.handle.net/1822/30569
AccessRestricted access (UMinho)
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
João António Macedo Gomes.pdf
  Restricted access
1,88 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy!

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID