Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/29260

TitleO Brasil e os correspondentes: do samba ao morro, desconstruir estereótipos?
Author(s)Rodrigues, Vanessa Ribeiro
Advisor(s)Silva, Elsa Costa e
Issue date2013
Abstract(s)Este Relatório Crítico de Atividade Profissional reflete sobre a minha experiência, durante 5 anos, como correspondente em São Paulo, Brasil, para o jornal Diário de Notícias, Notícias Sábado e rádio TSF, num contexto de jornalista freelancer e independente e numa rotina produtiva diária. Toda essa atividade internacional, entre 2006 e 2011, proporcionou o confronto de aprendizagem, no plano teórico e académico, e das práticas de comunicação: desde a avaliação dos critérios de valor notícia para as diferentes editoriais à relação com as fontes, o uso de processos de verificação e métodos de investigação jornalística e o apelo à responsabilidade para não recorrer a linguagem estereotipada que ainda persiste, quando é veiculada informação sobre a realidade brasileira. Depois de uma breve descrição do meu percurso profissional, nos últimos 10 anos, e respetivo perfil dos órgãos de comunicação social com os quais colaborei enquanto correspondente, passo a analisar os principais desafios e dificuldades sentidas, para de seguida analisar a questão do estereótipo no trabalho de um correspondente internacional, baseado na minha experiência. A pergunta que proponho é: “Se o Jornalismo pode ser, eventualmente, uma atividade legitimadora de estereótipos, coadjuvando na construção social de uma realidade, em que medida o meu trabalho de correspondente serviu para os legitimar ou desconstruir?” Nesse sentido, este relatório constitui uma reflexão crítica sobre as circunstâncias, as condições conjunturais, as dificuldades do contexto laboral jornalístico e a tendência da prestação de serviços, o processo produtivo, os desafios, a ética, as questões editoriais e relação com editores, os estereótipos lusobrasileiros, os elementos do jornalismo e a representação social da cultura brasileira na imprensa portuguesa. Numa análise mais restrita, debruçar-me-ei sobre uma reportagem específica para a rádio TSF, relacionada com a cobertura do crime organizado no Rio de Janeiro, intitulada O lado B do Rio de Janeiro.
This Professional Activity Report reflects on my 5 years experience as a correspondent in Sao Paulo, Brazil, for the daily Portuguese newspaper Diário de Notícias, radio TSF and newsmagazine Notícias Sábado, in the context of a freelance and independent Journalist on a daily basis routine. All this international activity between 2006 and 2011, provided the confrontation between theory, academic and communication practices: from the assessment of the news value criteria for the several editorial sections to the relationship with sources, the use of verification processes and journalistic investigation methodologies and appeal to the responsibility of journalists not to use stereotypical language that might be used about the Brazilian reality. After a brief description of my career, for the last 10 years, the profile of the media with whom I contributed to as a correspondent, I analyze the main challenges and difficulties I felt. Afterwards I reflect on the uses of stereotypes of an international correspondent based on my own experience. The question I propose is: " If journalism can be considered as an activity that somehow is able of legitimizing stereotypes, by assisting in the construction of the social reality, to which extent has my work served to legitimize them or deconstruct them?" Accordingly, this report is a critical reflection on the circumstances, cyclical conditions, the weaknesses of the labor market context based on a freelance trend, the news media production process, ethics issues and editorial relationship with editors, Luso-Brazilian stereotypes, the elements of journalism and social representation of Brazilian culture in the Portuguese press. In a more restricted analysis, I will focus on a specific Feature I covered for Radio TSF, concerning organized crime in Rio de Janeiro: the reportage O Lado B do Rio (The b-side of Rio de Janeiro).
TypeMaster thesis
DescriptionRelatório de Atividade Profissional de mestrado em Ciências da Comunicação (área de especialização em Informação e Jornalismo)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/29260
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado Integrado
CECS - Dissertações de mestrado / Master dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vanessa Ribeiro Rodrigues.pdf2,97 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID