Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/26979

TitleStress ocupacional e adaptação ao trabalho: um estudo com tripulações de voo
Author(s)Baganha, Cátia Alexandra Cordeiro
Advisor(s)Gomes, António Rui
KeywordsStress
Burnout
Comprometimento
Avaliação cognitiva
Aviação civil
Work commitment
Cognitive appraisal
Civil aviation
Issue date2013
Abstract(s)Resumo: Este estudo analisa a experiência de stress ocupacional, de burnout e de comprometimento face ao trabalho numa amostra de profissionais de tripulação de voo, observando a importância dos processos de avaliação cognitiva na atividade laboral, bem como as variáveis preditoras do burnout e do comprometimento. Foram incluídos 184 profissionais (121 são do sexo masculino; 65.8%) que responderam a um protocolo de avaliação sobre stress ocupacional, avaliação cognitiva, burnout e comprometimento face ao trabalho. Os resultados revelaram estarmos perante uma atividade profissional com índices significativos de stress ocupacional (27.8%), tendo sido assinalados dois casos de burnout pleno. É de salientar o papel fulcral dos processos de avaliação cognitiva no modo como os profissionais respondem às exigências laborais, especificamente na explicação da experiência de stress ocupacional, burnout e comprometimento. O stress ocupacional e a avaliação cognitiva foram variáveis importantes na predição do burnout e do comprometimento. Em conclusão, os resultados evidenciaram a importância de debater as implicações dos processos de avaliação cognitiva na compreensão da adaptação humana em contextos laborais.
Abstract: This study analyzes the experience of occupational stress, burnout and work commitment, in a sample of flight crew workers, observing also the importance of the cognitive appraisal processes in labor activity, as well as the predictors of burnout and work commitment. The study included 184 professionals (121 males; 65.8%), that responded to an evaluation protocol for occupational stress, cognitive appraisal, burnout and work commitment. The results revealed that this professional group assumed significant levels of occupational stress (27.8%), having been reported two cases of burnout. It pointed out the central role of cognitive appraisal processes in how professionals respond to the job demands, particularly in explaining the experience of occupational stress, burnout and work commitment. Occupational stress and cognitive appraisal were important variables in the prediction of burnout and commitment. In sum, the results showed the importance of discussing the implications of the cognitive appraisal processes in understanding human adaptation in workplace settings.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado integrado em Psicologia (área de especialização em Psicologia Clínica e da Saúde)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/26979
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado Integrado
CIPsi - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cátia Alexandra Cordeiro Baganha.pdf1,91 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID