Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/25886

TitleQuadros interativos na educação: uma avaliação a partir das pesquisas da área
Author(s)Sampaio, Patrícia Alexandra da Silva Ribeiro
Coutinho, Clara Pereira
KeywordsQuadro interativo
TPACK
Formação professores
Tecnologia educativa
Processo de ensino-aprendizagem
Educative technology
Interactive whiteboard
Teaching-learning process
Issue date2013
PublisherUniversidade de São Paulo (USP)
JournalEducação e Pesquisa
Abstract(s)Este artigo parte da premissa de que é necessário os professores das escolas do século XXI terem acesso a recursos e habilidades tecnológicas que permitam transmitir conhecimento com competências em Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs). Tendo em vista essa necessidade, o governo português implementou o Plano Tecnológico da Educação, propondo-se a atuar diretamente com a maioria dos professores, de maneira a reforçar substancialmente as infraestruturas tecnológicas das escolas, assim como formar e certificar esses profissionais nas competências fundamentais para as TICs. Nesse plano de formação, o quadro interativo é um dos recursos trabalhados. Objetiva-se assegurar a presença de um equipamento em cada três salas de aula e formar seus respectivos docentes no uso pedagógico e profissional dessa ferramenta. Tendo em vista a ampla difusão desses quadros, importa refletir a respeito da importância pedagógica dessa ferramenta educativa. Neste artigo, apresenta-se uma síntese de diversos estudos que têm sido feitos em Portugal e em outras partes do mundo a respeito da utilização dos quadros interativos em contexto educativo. O intuito dessa apresentação é sistematizar as vantagens e desvantagens do uso desse tipo de tecnologia, avaliando as suas influências e potencialidades no ensino-aprendizagem. Queremos investigar que atitudes demonstram os professores na integração com os quadros e no planeamento das aulas e que níveis de utilização são alcançados pelos docentes em contexto de sala de aula. Considera-se que essa ferramenta educativa poderá permitir melhorias no processo de ensino-aprendizagem em diversos níveis. Contudo, cabe enfatizar que os docentes necessitam de tempo e formação para adquirir as competências tecnológicas necessárias para fazer uso do quadro interativo, de modo a alterar metodologias e atitudes em sala de aula. Podem, assim, integrar pedagogicamente essa tecnologia nos seus planos de aula, não se focando na tecnologia em si, mas na forma como será utilizada e nos objetivos almejados por cada docente.
TypeArticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/25886
DOI10.1590/s1517_97022013000300012
ISSN1678-4634
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEd - Artigos em revistas científicas internacionais com arbitragem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EP1318 revisado para os autores.pdf422,91 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID