Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/25161

TitleO relato do capital intelectual nos relatórios e contas das universidades públicas portuguesas : os casos da Universidade do Minho, Universidade do Porto e Universidade de Aveiro
Author(s)Aguiar, Daniela Rodrigues Martins Amorim
Advisor(s)Oliveira, Lídia
KeywordsCapital intelectual
Ativos intangíveis
Universidades públicas
Relato obrigatório e voluntário
Relatório e contas
Intellectual capital
Intangible assets
Public universities
Compulsory and voluntary reporting
Annual report
Issue date5-Jul-2013
Abstract(s)A gestão do conhecimento tem vindo a ganhar importância, pelo que os intangíveis são considerados fundamentais na criação de valor de uma organização, essencialmente no caso das universidades. As universidades públicas têm sofrido pressões para se tornarem mais flexíveis, transparentes, competitivas e comparáveis. Estas exigências e desafios requerem novos tipos de recursos e novas formas de gestão (Sánchez et al., 2009; Córcoles et al., 2011). O intelectual capital framework pode ser usado pelas universidades como um instrumento heurístico para lidar com os desafios da gestão e ajudá-las a divulgar os seus recursos e atividades intangíveis aos stakeholders e sociedade em geral (Sánchez et al., 2009). Este trabalho pretendeu dar resposta à seguinte questão: Como é que as universidades públicas portuguesas divulgam informação sobre o capital intelectual nos relatórios e contas? Para tal recorreu-se a um estudo de caso múltiplo exploratório. Os relatórios e contas das universidades do Minho, do Porto e de Aveiro, de 2009, 2010 e 2011 foram analisados quanto à informação divulgada sobre ativos intangíveis e capital intelectual. Recorreu-se à técnica de análise de conteúdo, quer no que concerne à informação obrigatória quer voluntária de capital intelectual. No que diz respeito à divulgação obrigatória, a divulgação de informação no Anexo às demonstrações financeiras das três universidades não vai para além do meramente obrigatório, segundo o POC-E. Relativamente à divulgação de natureza voluntária, verifica-se que as universidades utilizam o relatório de gestão e a carta do Reitor para divulgar informação sobre capital intelectual, essencialmente de forma narrativa e descritiva. Os relatórios e contas destas universidades, em maior ou menor grau, têm vindo a socorrer-se também da comunicação visual para a divulgação dos intangíveis, principalmente os não reconhecidos nas demonstrações financeiras.
Knowledge management has been achieving growing importance, whereby intangibles are considered fundamental for the value creation at an organization, primarily in the case of universities. Public universities have been undergoing pressure to become more flexible, transparent, competitive and comparable. These demands and challenges request new types of resources and forms of management (Sánchez et al., 2009; Córcoles et al., 2011). The intellectual capital framework may be used by universities as a heuristic instrument to deal with the management challenges and in order to help disclose their intangible resources and activities to the stakeholders and society in general (Sánchez et al., 2009). This study aimed at answering the following question: How do the Portuguese public universities disclose information about intellectual capital on their annual reports? For this, a multiple exploratory case study was held. The annual reports of the universities of Minho, Porto and Aveiro, from the years of 2009, 2010 and 2011 were analysed in terms of the information disclosed on intangible assets and intellectual capital. The content analysis method was used both as far as compulsory and voluntary information on intellectual capital are concerned. Regarding the compulsory disclosure, the disclosure of information presented in the Annex of the financial statements of the three universities does not go any further from what is merely mandatory, according to the POC-E. As for the voluntary disclosure, universities use the annual report and the Dean’s Letter to disclose intellectual capital information, mainly in a narrative and descriptive manner. The annual reports of these universities, whether to a bigger or a smaller extent, have also been using visual communication for the disclosure of intangibles, mainly those not recognised in the financial statements.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Contabilidade
URIhttp://hdl.handle.net/1822/25161
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
EEG - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniela Rodrigues Martins Amorim Aguiar.pdf2,4 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID