Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/24957

TitleO desempenho operacional nas fusões e aquisições entre PME da Península Ibérica
Author(s)Coelho, António Pedro Almeida Antunes
Advisor(s)Loureiro, Gilberto
KeywordsFusões e aquisições
Desempenho operacional
PME
Mergers and acquisitions
Operational performance
SMEs
Issue date7-Aug-2013
Abstract(s)As Fusões & Aquisições são tidas como um meio de rentabilizar recursos e aumentar receitas. Seja pelo interesse que despertam, seja pela disponibilidade de informação, a atenção dos investigadores neste âmbito tem convergido nas grandes operações envolvendo empresas cotadas, com predominância da análise do desempenho baseada em indicadores de mercado. Os resultados encontrados não permitem conclusões consistentes: surgem tanto melhorias como diminuição no desempenho operacional e as alterações verificadas são, umas vezes, não significativas mas, outras vezes, assumem dimensões significativas. O presente estudo centra-se nas PME, que não têm merecido grande atenção, apesar de apresentarem um peso inquestionável na economia mundial. Orientamos a nossa investigação para estudar, em PME da Península Ibérica, o efeito de F&A no desempenho operacional dos adquirentes e alvos envolvidos nesse processo. São utilizadas quatro medidas de desempenho operacional (Rendibilidade do Activo, Margem EBITDA, Margem EBITDA Ajustada para variações no Fundo de Maneio e Solvabilidade) e uma de constrangimento financeiro (Disponibilidades normalizadas pelo Activo) com as quais se pretende colher informações relativamente às variantes constitutivas desse desempenho. Para tal efectuamos testes de diferenças entre médias e medianas e regresões pelo MMQ. Os resultados apontam para que, na melhor das hipóteses, as empresas adquirentes apresentem uma melhoria ao nível da solvabilidade, e, em simultâneo, uma deterioração dos restantes indicadores. No entanto, quando controlamos o desempenho face a empresas comparáveis, todos os indicadores sofrem uma deterioração. Estas conclusões são extensíveis ao desempenho das empresas alvo. Estes resultados podem ser interpretados à luz da qualidade e quantidade da informação prestada pelas empresas alvo, ou, em alternativa, em função do adquirente, ao avaliar as sinergias que possam advir da operação ou ao atribui-se, por hubris, excessiva capacidade de concretização de ganhos.
Mergers and Acquisitions are seen as a means to resources and enhance revenues. Be from the interest they arouse, be from the information availability, the attention of researchers in this field have been converging in large transactions involving listed companies, with advantage to the analysis of performance based on market measures. The findings are not straightforward: they show as improvement as decrease in operating performance and those changes are sometimes not significant but, other times, quite significant. This study focus on SMEs, to which has been devoted little attention in spite of their relevance in the world economy. We focus our research in studying, on Iberian SMEs, the effect of M&A in operational performance of acquirers and targets involved in the process. We use four measures of operating performance (Return on Assets, EBITDA Margin, EBITDA Margin Adjusted for changes in working capital and Solvency) and one financial constraints measure (Cash Holdings normalized by assets), with wich we aim to find information concerning constitutive factors of such performance. To do so we run statistic tests for differences between means and medians and we run OLS regressions. Our results show that, at best, acquirers show an improvement in solvency and, at the same time, as run-out in the other measures of operating performance. However, when we control performance adjusted for matching companies, all measures show a deterioration. These results can be explained in light of the quantity and quality of information provided by target companies, or alternatively, depending on the buyer, when valuing synergies that may arise from the deal, or assigning itself, by hubris, too much ability to deliver improvements.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Finanças
URIhttp://hdl.handle.net/1822/24957
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
António Pedro Almeida Antunes Coelho.pdf2,5 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID