Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/24948

TitleAs novas formas de capital nas organizações sem fins lucrativos : um estudo de caso na Delegação de Fafe da Cruz Vermelha Portuguesa
Author(s)Pereira, Teresa Raquel das Neves
Advisor(s)Mourão, Paulo
Moreira, Maria Cristina Guimarães de Almeida
KeywordsInstituições sem fins lucrativos
Capacidade organizacional
Capital humano
Capital social
Capital intelectual
Non-profit institutions
Organizational capacity
Human capital
Social capital
Intellectual capital
Issue date8-Jul-2013
Abstract(s)O setor não lucrativo tem vindo a assumir-se como uma força económica significativa na prestação de serviços de cariz social e, por isso, tem sido objeto de um crescente número de estudos a nível internacional. O atual contexto socioeconómico coloca, contudo, em causa a capacidade para assegurar a manutenção das suas atividades, dificultada em grande parte por constrangimentos ao nível do apoio financeiro e do financiamento de projetos. Este estudo procura, assim, introduzir uma abordagem inovadora na investigação sobre as instituições não lucrativas, ao questionar as potencialidades das novas formas de capital neste contexto. Pretende-se, assim, compreender em que medida estas são percebidas pelas diferentes tipologias de membros e valorizadas enquanto fator de capacitação destas organizações. Para o efeito recorreu-se à metodologia de investigação por inquérito, realizando-se um estudo de caso numa instituição sem fins lucrativos, mediante a aplicação de um questionário a todos os seus membros. Os principais resultados sugerem que os voluntários salientam a importância do capital humano, enquanto os colaboradores destacam também o capital social e os elementos da direção afirmam ser o capital financeiro o tipo de capital a que é atribuída maior importância na instituição. Conclui-se, assim, que a instituição reconhece a existência de outras formas de capital para além do capital financeiro e que globalmente o capital humano tem particular relevância para o cumprimento da sua missão, dados que se sugere que venham a ser considerados na definição de estratégias de capacitação pela organização e na investigação mais geral sobre o setor.
The nonprofit sector has assumed itself as a significant economic force in the provision of social services and, therefore, has been the subject of a growing number of studies internationally. The current socio-economic context poses, however, obstacles to the ability to ensure the prosecution of its activities, which is largely hampered by constraints in terms of financial support and projects funding. This study thus seeks to introduce an innovative approach in research on non-profit institutions, by questioning the potential of new forms of capital in this context. The aim is therefore to realize the extent to which they are perceived by different types of members and valued as a factor of organizational capacity. For this purpose was used the methodology of survey research, developing a case study in a nonprofit institution by applying a questionnaire to all its members. The main results suggest that volunteers stress the importance of human capital, while employees also emphasize social capital and the board elements claim towards being the financial capital the type of capital to which is attributed greater importance in the institution. We conclude, therefore, that the institution recognizes the existence of other forms of capital beyond the financial capital and that human capital globally has particular relevance to the performance of its mission, data that we suggest that should be considered in the definition of strategies for its organizational capacity and in overall research within the sector.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Economia Social
URIhttp://hdl.handle.net/1822/24948
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
EEG - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Teresa Raquel das Neves Pereira.pdf3,26 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID