Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/23536

TitleA implementação de decisões vocacionais no Ensino Secundário : contributos para a construção de um modelo de intervenção
Author(s)Carvalho, Marisa
Advisor(s)Taveira, Maria do Céu
Keywordstomada de decisão
ensino secundário
alunos
pais
professores,
psicólogos
grounded theory
career decision making
high school
students
parents
teachers
psychologists
grounded theory
Issue date10-Jan-2013
Abstract(s)As escolhas de carreira estão entre as decisões mais importantes que as pessoas tomam ao longo da sua vida, na medida em que têm implicações significativas nas diferentes áreas do desenvolvimento (Gati & Tal, 2008). A investigação no campo da psicologia vocacional oferece um vasto conjunto de conceções e modelos sobre a tomada de decisão (Hartung, 2010; Patton & McIIveen, 2009; Tien, 2007). Contudo, trabalhos recentes reconhecem a necessidade de aprofundamento de aspetos específicos deste processo (Gati & Tal, 2008; Hartung, 2010). Esta dissertação inscreve-se na linha de investigação relativa aos processos de tomada de decisão, procurando contribuir para o conhecimento dos fatores pessoais e contextuais implicados na implementação de decisões vocacionais no ensino secundário bem como para a organização de modelos integrados de intervenção vocacional nesta fase do percurso de vida dos jovens. Este estudo enquadra-se numa investigação de maior amplitude relativa aos modelos de intervenção vocacional no ensino secundário, dando seguimento a estudos prévios acerca do papel dos diferentes intervenientes educativos neste processo (Carvalho, 2007; Pinto, Taveira & Fernandes, 2003). Considerando os objetivos desta linha de investigação, e em concreto deste estudo de dissertação, a metodologia privilegiada foi a grounded theory. Depois de enquandrados teórica e metodologicamente, são apresentados quatro estudos relacionados que incidem nas perspetivas emergentes dos alunos, dos pais, dos professores e dos profissionais de orientação sobre o contributo de cada um destes atores na prossecução de objetivos vocacionais no 10.º ano de escolaridade. A amostra teórica deste estudo é constituída por 125 participantes. Utilizou-se um guião de entrevista para a recolha de dados. Os resultados desta investigação puseram em evidência o papel de protagonista que os alunos desempenham no processo de implementação de decisões no 10.º ano de escolaridade. Este papel consubstancia-se em três grandes domínios, inerentes às exigências sócio-académicas específicas do ensino secundário. Por um lado, releva-se a ação dos alunos no ajustamento ao novo contexto, através da mobilização das competências pessoais, sociais e académicas necessárias, da participação nas atividades de caráter escolar e social, da gestão dos obstáculos e das dificuldades experienciadas ao longo do processo e da utilização da rede de suporte constituída por pares, pais, professores e outros intervenientes. Por outro lado, salienta-se a ação dos alunos no sentido do sucesso académico através do estudo, do empenho e da persistência face às tarefas escolares. Finalmente, há a referir a ação específica dos alunos no sentido de testarem e aprofundarem as escolhas realizadas através de oportunidades diversas de exploração do meio. Neste processo de implementação de decisões académicas, os pais, os professores e os psicólogos também têm um papel significativo, quer através da relação direta que estabelecem com os alunos, quer através da interação com outros intervenientes e da organização de atividades que influeciam a ação dos alunos. Destaca-se, particularmente, o papel do psicólogo escolar, a quem cabe a tarefa desafiadora de incrementar um programa integrado e colaborativo de intervenção vocacional no ensino secundário. Com efeito, propõe-se uma intervenção em três níveis distintos, a saber: (i) os alunos; (ii) os intervenientes educativos (pais, professores) e; (iii) a comunidade alargada. A estes três níveis fazem-se corresponder as seguintes modalidades de intervenção: (i) as intervenções de caráter informativo, psicopedagógico e de aconselhamento; (ii) a consultadoria/formação e; (iii) o estabelecimento de parcerias comunitárias. Por fim, apresentam-se os contributos específicos deste trabalho, as suas limitações e algumas pistas para a investigação futura.
Career choices are among the most important decisions that people take throughout their lives, as they have significant implications in several development areas (Gati & Tal, 2008). Vocational psychology research offers a wide range of career decision making theories and models (Hartung, 2010; Patton & McIIveen, 2009; Tien, 2007). Nevertheless, recent work has recognized the need to deepen specific aspects of this process (Gati & Tal, 2008; Hartung, 2010). This dissertation fits in a research line on career decision making and it seeks to contribute to the knowledge of contextual and personal factors involved in the career decision implementation at high school as well as to the construction of integrated models of intervention at this stage of vocational life course of young people. This study frames in a wider range investigation concerning vocational models of intervention in high school, following the earlier studies about the role of different actors in the process (Carvalho, 2007; Pinto, Taveira & Fernandes, 2003). Taking into consideration the aims of the research line, and specifically of this study, we choose grounded theory methodology. Once it was theoretically and methodologically upheld, we present four related studies about the emerging perspectives of students, parents, teachers and counselors on their own role at the implementation of career goals at 10th grade in high school. The theoretical sample of this study is made up of 125 participants. We used an interview guide for data collection. The results have highlighted the leading role that students play in career decision implementation at 10th grade in high school. This role is done in three major domains, inherent to the specific social and academic demands of high school. On one hand, we emphasize the students’ action in adjusting to the new school context through the mobilization of personal, social and academic skills and also through their participation in school and social activities managing obstacles and difficulties experienced and using the network support of peers, parents, teachers and other partners. On the other hand, we highlight the students’ action towards academic success through study, commitment and persistence at school tasks. Finally, we mention the specific action of the students in order to test and deepen career choices by means of vocational exploration opportunities. At this process of career decision implementation, parents, teachers and psychologists also have a significant role, either by their relation to the students or through their interaction with other partners and through the organization of activities that influence de students’ action. It is noteworthy the role of school psychologists’, who have the challenging task of improving an integrated and collaborative vocational intervention at high school. Therefore, we propose a three level intervention, namely: (i) students; (ii) educational stakeholders (parents, teachers) and; (iii) wider community. At this three levels are matched different forms of intervention: (i) information, psycho-pedagogical and counseling interventions; (ii) consulting/training and; (iii) community partnerships. Finally, we present the specific contributions and limitations of this study and some clues for future research.
TypeDoctoral thesis
DescriptionTese doutoramento Psicologia (área de especialização em Psicologia Vocacional)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/23536
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Teses de Doutoramento
CIPsi - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Marisa Simões Carvalho.pdf2,2 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID