Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/20784

TítuloEliciação da DaP sem enviesamento hipotético : projecto de restauro florestal - Pão Panda (WWF)
Autor(es)Melo, Bruno Miguel Pontes de
Orientador(es)Pinto, Lígia
Palavras-chaveValoração condicional
Enviesamento hipotético
Calibragem estatística
Contingent valuation
Hypothetical bias
WWF
Data2011
Resumo(s)Com a incorporação da dimensão ambiental na análise económica iniciam-se os estudos sobre a valoração dos impactos produzidos pelo Homem sobre o meio ambiente. A valoração económica do meio ambiente constitui-se num conjunto de métodos e técnicas que buscam estimar valores para os activos ambientais e para os bens e serviços por eles gerados. São diversos os métodos disponíveis para estimar o valor de bens ambientais, no entanto neste estudo foca-se um em particular: o MVC. O MVC tem como objectivo extrair a DaP (ou DaR) de uma amostra de consumidores através de questionamento directo, supondo um mercado hipotético cuidadosamente estruturado. São dois os objectivos constante nesta tese. O primeiro é realizar uma revisão de literatura sobre o Método de Valoração Condicional (MVC). O segundo é o teste a uma hipótese de carácter metodológico no contexto de uma aplicação do MVC a um programa de restauro florestal levado a cabo pelo World Wide Fund for Nature. Nesta aplicação foram utilizados bens privados e bens públicos em 3 experiências separadas e também foram utilizados não só cenários hipotéticos mas também cenários reais. A questão metodológica principal a ser testada decorre da verificação sistemática da existência de enviesamento hipotético nas estimativas para a DaP em aplicações do MVC. Assim, de forma a mitigar o enviesamento hipotético, foi incluída uma escala de incerteza no seguimento da pergunta de valoração hipotética que permite calibrar as respostas hipotéticas ignorando as respostas com menor grau de certeza, esperando-se assim obter valores das respostas hipotéticas similares aos valores em reais oportunidades. Durante o estudo são realizadas várias análises, mas no que se refere à hipótese central já explicitada conclui-se que embora as razões não sejam completamente explicadas pela escala de certeza é um facto que o enviesamento hipotético é decrescente com o aumento dos graus de certeza.
The incorporation of environmental concerns into economic analysis, gave rise to various studies on the valuation of the impacts produced by humans on the environment. The economic valuation of the environment constitutes a set of methods and techniques that seek to estimate values for assets and for environmental goods and services generated by them. There are several methods available to estimate environmental impacts, however this study focuses on one in particular: the CVM (Contingent Valuation Method). The CVM seeks to extract the WTP (or WTA) from a sample of consumers through direct questioning, assuming a hypothetical market carefully structured. There are two objectives shown in this thesis. The first is to conduct a literature review of the Contingent Valuation Method (CVM). The second is to test a methodological concerned hypothesis in the context of a CVM application of a reforestation program carried out by the World Wide Fund for Nature. In this application we used private goods and public goods in three separate experiments and were also used not only scenarios but also real-world scenarios. The main methodological issue to be tested arises from the systematic verification of the existence of hypothetical bias in the estimates for WTP in CVM applications. Thus, in order to mitigate hypothetical bias, we have included a range of uncertainty following the hypothetical question of valuation used to calibrate the hypothetical responses ignoring the answers with less certainty, hoping thus to obtain values of the hypothetical responses similar to values into real opportunities. During the study are conducted several reviews, but with regard to the central hypothesis already explained it was concluded that although the reasons are not fully explained by the scale of certainty is a fact that the hypothetical bias is decreasing with increasing degrees of certainty.
TipomasterThesis
DescriçãoDissertação de mestrado em Economia e Política do Ambiente
URIhttp://hdl.handle.net/1822/20784
AcessorestrictedAccess
Aparece nas coleções:BUM - Dissertações de Mestrado
GAI - Dissertações de Mestrado
NIMA - Dissertações de Mestrado/Master Theses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Bruno Miguel Pontes de Melo.pdf4,55 MBAdobe PDFVer/Abrir  Solicitar cópia ao autor!

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis