Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/20232

TítuloCondições de trabalho escolar, sua influência na saúde e no desenvolvimento profissional de professores de ciências: um estudo de caso com professores da Bahia
Outro(s) título(s)Working conditions in schools, their influences on health and science teachers’ professional development: a case study with teachers from Bahia
Autor(es)Batista, Geilsa Costa Santos
El-Hani, Charbel
Carvalho, Graça Simões de
Palavras-chaveCondições de trabalho
Saúde
Professores de Ciências
Desenvolvimento profissional
Data15-Set-2012
EditoraABRAPEC
Resumo(s)Este estudo pretende identificar quais as influências das condições de trabalho nas escolas para a saúde e a formação do professor de ciências, segundo as visões de professoras de biologia do estado da Bahia. O estudo foi desenvolvido em 2009, baseado em entrevistas semi-estruturadas com com nove professoras. Os resultados indicam que são precárias as condições de trabalho para os professores nas escolas e isto influencia de forma negativa nas suas saúdes, no seu desenvolvimento profissional e nas suas práticas de ensino. É necessária uma articulação de todos os agentes envolvidos com a educação escolar no sentido de contribuir para que melhorias ocorram nas condições de trabalho do professor. Para tanto, é imprescindível, também, a atenção das políticas públicas da educação no país para estes problemas, visto que sua superação pode interferir positivamente nos avanços relativos aos indicadores de qualidade da educação e das condições de trabalho nas escolas.
This study aims to identifying the influences of school working conditions on science teachers’ health and education, according to the views of biology teachers from the state of Bahia. The study was based on semi-structured interviews, and was developed in 2009 with nine teachers from public state schools. The results indicate that the teachers’ working conditions in the schools are precarious and, as a result, these professionals suffer negative effects on their health, professional development and teaching practices. An articulation of all the agents involved in schooling is required in order to contribute to significant improvements in the teachers’ working conditions. It is also essential that educational public policies take these problems into account, since overcoming them can interfere positively in advances related to indicators of the quality of education and working conditions in schools.
TipoconferencePaper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/20232
Versão da editorahttp://adaltech.com.br/testes/abrapec/trabalhos.htm
Arbitragem científicayes
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:CIEC - Textos em atas

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ENPEC_SaudeEscola.pdfArtigo581,43 kBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis