Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/19536

TitleDificuldades de aprendizagem específicas : um estudo quantitativo sobre o uso de estratégias de autorregulação numa turma inclusiva
Author(s)Araújo, Catarina Liane Teixeira de Castro
Advisor(s)Martins, Ana Paula Loução
KeywordsAprendizagem
Estratégias de autorregulação
Dificuldades de aprendizagem específicas
Autorregulação
Texto argumentativo de opinião
Conectores argumentativos
Composição de textos
Learning
Self-regulation strategies
Specific learning disabilities
Self-regulation
Argumentative text of opinion
Argumentative connectors
Composition of texts
Issue date2011
Abstract(s)Este estudo tem por finalidade conhecer, descrever e analisar o impacto das estratégias de autorregulação PATO1 e Estrutura2 na composição de textos de opinião, junto de uma turma do 4.º ano de escolaridade, do 1.º ciclo do Ensino Básico. Assim, desenvolvi um estudo quasi-experimental, junto duma amostra constituída por trinta e nove alunos, do quarto ano de escolaridade do Ensino Básico, do Concelho de Braga, distribuídos por um grupo experimental e um grupo de controlo. Os alunos do grupo experimental aprenderam duas estratégias de autorregulação durante dois meses, em seis sessões de aprendizagem que duraram cerca de 45 minutos cada. Os dados foram recolhidos antes e depois da aprendizagem das estratégias e os resultados foram analisados e apresentados sob a forma descritiva e inferencial. De acordo com os resultados deste estudo: a) a aprendizagem das estratégias “PATO + Estrutura” parece ter influenciado positivamente os alunos ao nível da Língua Portuguesa, no domínio progressivo das técnicas e regras elementares de escrita e nas competências de motivação, autonomia e reflexão; b) os alunos, no fim da aprendizagem das estratégias revelaram, na sua maioria (95,4%), ter gostado de ter aprendendido as estratégias de autorregulação; c) verificou-se a existência de diferenças estatisticamente significativas entre o grupo de controlo e o grupo experimental no que diz respeito a variável número de palavras no pré-teste e também no pós-teste; d) no que se refere ao número de conectores, no início, os dois grupos não apresentavam diferenças estatisticamente significativas, no entanto, após o ensino das estratégias de autorregulação, observou-se a sua existência; e) no que respeita a variável qualidade dos textos argumentativos de opinião, inicialmente não existiram diferenças estatisticamente significativas entre o grupo de controlo e o grupo experimental, contudo no pós-teste estas diferenças ganharam significância; f) no grupo experimental constatou-se a existência de diferenças estatisticamente significativas entre o pré e pós-teste, no que respeita às variáveis número de palavras, número de conectores e qualidade dos textos argumentativos de opinião; e g) verificou-se um effect size no número de palavras de 0,85 e de conectores 1,22 e que é considerado pela literatura altamente eficaz, enquanto o effect size 0,63, obtido para a qualidade dos textos argumentativos de opinião é considerado menos eficaz, mas que vale a pena ser considerado, o que reforça a eficácia destas estratégias, nesta investigação.
This study aims to know, to describe and to analyze the impact of the self-regulated strategy development approach, in writing. Therefore, I conducted a quasi-experimental study, with an experimental and a control group of participants from a sample of 39 students who were enrolled in one school in the city of Braga. The students from the experimental group learned two self-regulation writing strategies (POW + TREE) in six session of fortyfive minutes each, during two months. The quantitative data obtained were analyzed by descriptive and inferential statistics. According to the results of this study: a) the learning of the strategies POW + TREE seem to have a positive influence in the level of Portuguese language of the students, in the progressive control of the writing techniques and basic rules and in the motivation, autonomy and analyzing; b) after the strategies being applied, the majority of the students (95,4%) said that they enjoyed to learn the strategies of self regulation; c) there were observed statistical differences between the control and the experimental group at the level of the number of words in the previous and post tests; d) regarding the number of transition words, statistical differences were also observed; e) concerning the quality of opinion’s texts, the differences between both groups were observed in the post test; f) in the experimental group there were statistical differences, in the number of words, in the number of transition words and in the quality of the opinion’s texts, between the previous and post tests; and g) The effectiveness of self regulated strategies POW + Tree was found to be associated with an mean standardized “effect size” of 0,85 for the number of words, of 1,22 for the number of transition words and of 0,63 for the quality of the text composition, which reinforces the efficacy of these strategies in this research.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Educação Especial (área de especialização em Dificuldades de Aprendizagem Específicas)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/19536
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE MESTRADO.pdf1,49 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID