Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/16420

TítuloAvaliação do clima académico no Ensino Superior
AutorLobo, Fátima
Almeida, Leandro S.
Pinheiro, Margarida
Palavras-chaveAvaliação
Clima académico
Ensino Superior
DataNov-2011
EditoraSociedade Portuguesa de Psicologia
ResumoReconhecendo a importância do clima académico no Ensino Superior e a baixa produção de instrumentos que permitam avaliar as exigências que decorrem da integração na União Europeia (UE), da internacionalização do conhecimento e da mobilidade de alunos e professores, das novas exigências do mercado, da massificação do ensino superior e da abertura do ensino superior a públicos progressivamente mais orientados para a profissionalização; realizaram-se estudos exploratórios no sentido de instruir procedimentos conducentes à criação de um instrumento de avaliação. Partindo do conceito de clima definiram-se 148 itens que versavam sobre as politicas educativas, as ideologias, os valores, a imagem da instituição e do curso, a qualidade da formação, a competência académica percebida e as actividades extracurriculares, os recursos disponíveis, a dimensão sóciorelacional, a preparação para o mercado de trabalho e a investigação, as actividades extracurriculares, as relações interpessoais e a ligação do meio académico aos espaços de empregabilidade. Os 148 itens, por efeito de um estudo-piloto com 253 sujeitos e tomando como critérios, valores próprios > 1, com mínimo de 3% de variância explicada, Scree Plot, determinação de saturações factoriais > .30, análise de correlação de factores, análise da consistência interna e interpretabilidade das soluções encontradas, reduziram para 40. Posteriormente, e com uma amostra de 141 sujeitos, e tomando como critérios valores próprios > 1, com mínimo de 3% de variância explicada, Scree Plot, determinação de saturações factoriais > .40, análise de correlação de factores, análise da consistência interna e interpretabilidade das soluções encontradas reduziram para 36; estes apresentam valores de consistência interna elevados, Alpha de Cronbach (.92) e a análise factorial identificou quatro factores que explicam 47% da variância total. Os quatro factores identificados reportam à Qualidade do Ensino (.84), aos Recursos Estruturais e Funcionais (.81), à Imagem e Prestígio da Universidade (.83) e à dimensão Sócio-Relacional (.72). Os resultados, obtidos a partir de uma amostra de 141 sujeitos, permitem perceber que as representações dos estudantes do Ensino Superior se configuram fundamentalmente a partir das competências, da empregabilidade, da investigação científica, dos serviços oferecidos, dos desafios nacionais e internacionais e das práticas profissionais.
TipoconferenceObject
URIhttp://hdl.handle.net/1822/16420
Arbitragem científicano
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:CIEd - Textos em volumes de atas de encontros científicos nacionais e internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Avaliação do clima académico no Ensino Superior.pdfArtigo em Actas108,5 kBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis