Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/15655

TítuloCerteza geológica da ocorrência e viabilidade económica para o aproveitamento dos Berilos "True Blue" de Licungo, Zambézia, Moçambique
Autor(es)Moiana, Marcelino
Orientador(es)Gomes, C. Leal
Palavras-chavePegmatito
Água-marinha
Contaminação
Fraccionação
Deformação
Pegmatites
Aquamarine
Contamination
Fractionation
Deformation
Data2010
Resumo(s)O Campo Pegmatítico do Licungo é constituído por um conjunto de corpos pegmatíticos, essencialmente de carácter NYF, que acolhem berilos azuis com uma grande variação da sua tonalidade entre azul claro, azul-esverdeado e azul intenso. A implantação dos pegmatitos em rochas encaixantes metabásicas permitiu a lixiviação do Fe num estágio precoce da formação dos pegmatitos, posteriormente incorporado na estrutura cristalina dos berilos formando gemas primárias de azul mais marcado em corpos do Domínio Estrutural Sul, onde a espessura das caixas filoneanas permitiu a troca eficiente dos iões. Processos hidrotermais subsequentes, aliados a um padrão de fracturação favorável à percolação de soluções, favoreceram a lixiviação mais profunda de alcalis nas partes mais externas dos cristais de berilo de maiores dimensões, afectando, principalmente, os hospedados em pegmatitos do Domínio Estrutural Norte. As águas marinhas nodulares localizadas no interior de berilos claros dos pegmatitos volumosos constituem relíquias de berilo primário localizado em zonas não afectadas pela deformação sobreposta. Assim, os principais alvos para a pesquisa das águas-marinhas “true blue” seriam dos seguintes tipos: 1 – Corpos pegmatíticos zonados, com núcleo de quartzo de 60% e zona intermédia de 30% do volume, com possança de 120 a 25 cm, com extensões de 10-30 m, com microclina rósea, intrusivos em migmatitos anfibólicos, com feições NYF, Ti-magnetite, xenotima e fosfatos de TR. Prevêem-se, neste caso, cristais de pequenas dimensões, com c <15 cm e a <2 cm, cor mais intensa e menos danos fracturais, texturais e de diafanidade. 2. Unidades de interface peri-pertítica na transição para o núcleo quaztzoso e zonas de sombra em compartimentos pegmatíticos essencialmente quartzosos para corpos de grandes dimensões, de possança > 3m e extensão > 30 m. Em porções ocelares internas, preservadas, de cristais de grandes dimensões (a=3-20 cm e c=50-120 cm), preferencialmente deformados e lixiviados por soluções hidrotermais veiculadas por rupturas, prevêem-se nódulos irregulares limitados por superfície de fractura concoidal com mais de 2 g de massa. A exploração das águas-marinhas pode ser viabilizada numa perspectiva de aproveitamento integral e integrado de recursos para fins cerâmicos, equacionando-se o aproveitamento de microclinas pertíticas de 1ª preponderantes entre Vila Maior e Careca e grandes blocos de quartzo situados entre Igaro e Mugulama.
Licungo Pegmatitic Field consists of a series of pegmatite bodies, essentially of NYF affiliation, hosting different varieties of beryls ranging from light blue, and greenish blue to deep blue. The emplacement of pegmatites in metabasic country rocks allowed the leaching of Fe at an early stage of pegmatite crystallization, subsequently incorporated into the crystal structure of beryl, giving rise to primary, deep blue gemstones, mainly in small bodies located in the Southern Structural Domain where the small thickness of the pegmatite boxes allowed the efficient exchange of ions. Subsequent hydrothermal processes, combined with a conductive fracture pattern, favored the leaching of alkalis in the outer parts of large beryls, affecting mainly pegmatites in the North Structural Domain. Nodular aquamarines within light beryls are relics of primary crystals located in domains not affected by superimposed deformation. Thus, the main targets for aquamarine exploration would be the following: 1. Zoned pegmatites, with 60% of quartz in core units and 30% intermediate units of bulk volume, 120 to 25 cm thickness and 10 to 30 m length, emplaced in amphibolic migmatites; NYF affiliation, with rose microcline, Ti-magnetite, xenotime and REE-phosphates. In this case, are envisaged small beryl crystals (c <15 cm, a <2 cm) of deep blue variety, with less fractures and good diaphaneity. 2. Peri-perthitic interface units in the transition to quartz cores, pressure shadows in large pegmatitic bodies (>3 m width, >3 m length) and ocelar internal portions preserved within large light beryl crystals (a = 3-20 cm, c = 50-120 cm), preferentially deformed and leached by hydrothermal solutions percolating in fractures. In these circumstances, are anticipated gemstones limited by conchoidal fractures, with up to 2 g. In Licungo, aquamarine exploitation can be implemented considering the integrated mining of ceramic raw materials, such as the high quality perthitic microcline widely distributed in Vila Maior and Careca pegmatite bodies, and the large quartz blocks abundant in Igaro and Mugulama.
TipomasterThesis
DescriçãoDissertação de mestrado em Ordenamento e Valorização dos Recursos Geológicos
URIhttp://hdl.handle.net/1822/15655
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:BUM - Dissertações de Mestrado
CIG-R - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Marcelino Moiana_.pdf5,68 MBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis