Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/15238

TitleConforto vs. desempenho dos dispositivos médicos não ativos : necessidade ou luxo?
Author(s)Abreu, Maria José Araújo Marques
Braga, I.
KeywordsDisposiivos médicos não ativos
Equipamento protecção individual
Directiva 2007/47/EC
Non active medical devices
Personal protective equipement
Issue dateFeb-2011
PublisherSociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais (SPOSHO)
Abstract(s)A tecnologia têxtil tem como um dos principais objectivos produzir materiais e/ou vestuário de elevado desempenho para melhorar a qualidade de vida dos indivíduos. O vestuário sempre realizou a função de protecção, mas é o grau de protecção a um desempenho próprio que determina o tipo de vestuário a usar. Devido à prioridade de proteger o homem de um perigo específico, é descurada a interacção entre o vestuário e o corpo: o conforto ao uso e as propriedades estruturais dos materiais a utilizar. Seja qual for o tipo de vestuário, a função protecção é sempre em detrimento do conforto do utilizador. Mesmo quando se procura o equilíbrio entre as propriedades de protecção e de conforto, em função da aplicação final do vestuário, existe na prática situações ambientais distintas que requerem diferentes composições de uma e de outra propriedade, para alcançar uma solução de compromisso aceitável. Com efeito, o conforto é uma das propriedades mais importantes a influenciar a decisão do utilizador no momento da escolha de uma determinada peça de vestuário. No caso do vestuário designado de protecção, esta propriedade é também tomada em consideração pelo seu utilizador. Quando um indivíduo usa um vestuário de protecção, um dos critérios para voltar a usar este vestuário específico, é o conforto ao uso, muitas das vezes independentemente do perigo a que está exposto, não podendo ser considerado unicamente um luxo. Os produtos utilizados no bloco operatório, nomeadamente as batas cirúrgicas e os campos operatórios, diferem dos restantes produtos utilizados no hospital por serem considerados simultaneamente dispositivos médicos e EPI´s, pelo que a sua qualidade está definida legalmente pela directiva 2007/47/EC. O presente trabalho permitiu identificar características de batas actualmente utilizadas e suas deficiências relativas às propriedades barreira e conforto. A partir da investigação realizada, desenvolveu-se um modelo de bata cirúrgica considerada “ideal” pelos utilizadores inquiridos. Palavras-chave: Dispositivos Médicos Não Activos, Equipamento de Protecção Individual, Directiva 2007/47/EC, Propriedades
The textile technology has as a main objective to produce materials and/or high performance apparel to improve the quality of life of individuals. The clothing has always realized the function of protection, but the degree of protection determines the kind of clothes to wear. Due to the priority of protecting the individuals from a particular hazard, we neglect the interaction between clothing and the body: the comfort of use and the structural properties of the used materials. Whatever the type of clothing, the protection function is always at the expense of user comfort. Even when one seeks a balance between the properties of protection and comfort, in function of the application of the final garment, there is in practice different environmental situations that require a different quantity of one over the other property, to achieve an acceptable compromise. Indeed, comfort is one of the most important properties to influence the decision of the user in choosing a particular garment. With protective clothing, this property is also taken into account by the user. When an individual uses a protective clothing, one of the criteria for re-use this specific apparel is if it´s comfortable to use, often regardless of the danger they are exposed and cannot be considered merely a luxury. The products used in the operating theatre, including surgical gowns and drapes, differ from other products used in hospitals because they are considered medical devices and PPE's simultaneously, so its quality is legally defined by the Directive 2007/47/EC. This study identified characteristics of currently used gowns and deficiencies relating to the barrier and comfort properties. Upon this investigation, we developed a model of surgical gown that was defined "ideal" by the users involved in this study.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/15238
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:DET/2C2T - Comunicações em congressos internacionais com arbitragem científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SHO 2011.PDF2,74 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID