Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/15225

TitleA supervisão clínica e a articulação interorganizacional Escola de Enfermagem e Hospital
Author(s)Macedo, Ana Paula
KeywordsSupervisão de estágios
articulação interorganizacional
Issue dateJun-2011
PublisherEscola Superior de Enfermagem do Porto (ESEP)
Abstract(s)O estudo intitulado “A supervisão de Estágios em Enfermagem e Articulação Interorganizacional Escola de Enfermagem e Hospital” debruça-se sobre as orientações e as práticas de supervisão de estágios em Enfermagem como analisador dos fenómenos de Articulação interorganizacional - Escola de Enfermagem e Hospital. Os objectivos primordiais deste estudo são: identificar modelos de análise à supervisão de estágios em Enfermagem na articulação interorganizacional entre a Escola de Enfermagem e o Hospital; compreender as lógicas de supervisão de estágios em Enfermagem; caracterizar sociologicamente as articulações em contexto de acção concreta; contribuir para esclarecer alguns aspectos relativos ao contexto de trabalho hospitalar como local de formação e educação dos alunos estagiários de Enfermagem. A apresentação do quadro teórico para a compreensão da supervisão de estágios em Enfermagem e a articulação interorganizacional Escola e Hospital partiu do pressuposto que seria fundamental a análise de algumas dimensões do “Hospital como organização” para se perceber a supervisão no contexto de trabalho hospitalar. Ao realizar-se esta análise, pela voz dos actores entrevistados (oito alunos estagiários, cinco enfermeiros, uma supervisora), pretendeu-se ver também que implicações tinham as suas opiniões no que dizia respeito à supervisão. De facto, parece existir um certo isomorfismo entre o “modelo de supervisão” e o “modelo de organização” pelo que se deduz, neste contexto, que a evolução da supervisão, assim como os valores implícitos e explícitos a ela associados, será condicionada pela própria transformação na organização hospitalar. O estudo de caso, de pendor qualitativo e interpretativo, destaca este momento empírico onde é possível fazer-se a leitura transversal dos dados que contextualizaram toda a problemática de supervisão de estágios.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/15225
ISBN978-989-96103-4-7
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:ESE-CIE - Livros de atas / Papers in conference proceedings

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LivroActaPorto2011.pdf678,21 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID