Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/13551

TitleA agricultura portuguesa, o Estado e a PAC Europeia
Author(s)Silva, Manuel Carlos
KeywordsAgricultura
Políticas comunitárias
Issue date2000
PublisherUniversidade do Minho
JournalCadernos do Noroeste. Série Sociologia. Sociedade e Cultura 1
Abstract(s)Atendendo a índices preocupantes de secundarização e de marginalização dos espaços e dos processos produtivos em zonas rurais coloca-se a questão de saber em que medida e de que modo Portugal está ou não em condições de superar o relativo atraso e obter uma relativa auto-suficiência agro-pecuária. Uma vez problematizada a relação entre agricultura, mercado e o Estado e traçada uma breve evolução dalgumas transformações a partir dos anos sessenta até à Integração na União Europeia, conclui-se que Portugal, mantendo-se um país semiperiférico, encontra-se subalternizado perante a emergência da globalização económica, política e cultural através não só da crescente capitalização da agricultura e da introdução de capitais, tecnologias, artefactos e produtos não nacionais, como da regulação por parte de entidades e de instituições supra nacionais nomeadamente a PAC da União Europeia.
TypeArticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/13551
ISSN0870-9874
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:DS/CICS - RSC - Vol. 13 (2000) : Lazer, Saúde, Tradição, Emprego, Identidades e Desenvolvimento nº1

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
A agricultura portuguesa, o Estado e a PAC europeia.pdf2,05 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID