Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/13375

TitleOcorrências hidrominerais associadas ao acidente Gerês-Lobios: conceptualização do funcionamento hidrogeológico do sistema hidrotermal
Author(s)Pinheiro, Avelino José Arantes
Advisor(s)Lima, Alberto da Silva
Issue date2011
Abstract(s)O presente estudo teve como objectivo principal a conceptualização dos sistemas hidrominerais de Gerês e Lobios. Este trabalho baseou-se essencialmente em técnicas de hidroquímica convencional e isotópica. Através dos isótopos estáveis da molécula da água das águas minerais, subterrâneas e superficiais, construiu-se um modelo dos circuitos das águas minerais. As águas superficiais da região em estudo inserem-se no grupo das cloretadas/bicarbonatadas-sódicas. As águas subterrâneas não minerais da região inserem-se no grupo das bicarbonatadas-sódicas. Do mesmo modo, as águas minerais de Gerês e Lobios inserem-se na fácies bicarbonatada-sódica. As águas minerais em estudo são águas constituídas por um fluido de origem profunda, misturado com águas subterrâneas de circulação pouco profunda. Estas águas apresentam teores isotópicos médios de -6,71‰ VSMOW de δ¹⁸O para o Gerês e -6,91‰ VSMOW de δ¹⁸O para Lobios. No que concerne aos teores médios de deutério, a água mineral de Gerês apresenta um teor de -40,55‰ VSMOW e a água mineral de Lobios apresenta um teor de -42,5‰ VSMOW. Estes teores isotópicos são compatíveis com os teores das águas meteóricas provenientes dos sectores culminantes da Serra de Gerês. As temperaturas de reservatório não deverão ser inferiores a 82 ºC no Gerês e a 97 ºC para Lobios, apresentando profundidades de circulação subterrânea de ordem quilométrica. A circulação de água em profundidade estará associada principalmente a dois grandes acidentes: um de direcção WNW-ESE onde se instalou o Rio Homem e outro de direcção NNE-SSW, correspondente à Falha Gerês-Lobios. Estas fracturas constituirão os principais eixos colectores e de escoamento subterrâneo. Assim, à medida que a água meteórica se infiltra ao longo da Falha do Rio Homem dirigir-se-á, em profundidade, em direcção à Falha Gerês-Lobios. Uma vez nesta Falha, os fluidos seguem a direcção da mesma, mas divergem em dois sentidos opostos. No seu fluxo para Sul a água atingirá a nascente do Gerês, enquanto para Norte alcançará a emergência de Lobios. O estudo efectuado não permitiu esclarecer totalmente o funcionamento hidrogeológico dos sistemas hidrominerais de Gerês e Lobios, tendo ficado algumas questões em aberto, sobretudo no que respeita à sua mineralização incomum, nomeadamente no que se refere aos teores anormais de flúor e boro, não sendo explicáveis, aparentemente, pela simples interacção água-rocha.
This study's main goal was the conceptualization of Gerês and Lobios hydromineral systems and was mainly based on hydrochemical and isotopic techniques. Data from mineral waters, surface waters and groundwaters allowed drawing a conceptual model for those hydrosystems. Surface waters of the study area fall within the chloride/bicarbonate-sodium type. Non-mineral groundwaters belong to the bicarbonate-sodium group. Similarly, Gerês and Lobios mineral waters fall into the sodium-bicarbonate facies. These waters have average isotope contents of -6.71‰ VSMOW δ¹⁸O (Gerês) and -6.91‰ VSMOW δ¹⁸O (Lobios). Average deuterium contents are of -40.55‰ VSMOW for Gerês and -42.5‰ VSMOW for Lobios. These isotopic signatures are consistent with the isotopic content of meteoric water from the highest areas of the Serra de Gerês. The temperature of groundwater reservoirs shall not be less than 82 º C in Gerês and 97 °C in Lobios, consistent with deep pathways of several hundred meters. These pathways area mainly controlled by two major fault zones: a WNW-ESE direction, associated to Homem River and another direction NNE-SSW, corresponding to the Gerês-Lobios major fault. These fractures provide the main paths of groundwater flow. Thus, as the meteoric water infiltrates along the Homem River, it percolates towards the Gerês-Lobios fault. Then, deep fluids follow this orientation, but diverge in two opposite directions. In the southern branch, groundwater reaches Gerês area, while in the northern branch, it reach Lobios zone. The study did not allowed to fully understand the hydrogeological conceptual model for the Lobios and Gerês hydrosystems and did not explain some issues, especially regarding the unusual mineralization, particularly in relation to abnormal levels of fluoride and boron.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Ordenamento e Valorização de Recursos Geológicos
URIhttp://hdl.handle.net/1822/13375
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CCT - Dissertações de Mestrado/MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Avelino José Arantes Pinheiro.pdf4,35 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID