Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/12606

TitlePrograma psicológico de formação do carácter : promoção da saúde física e psíquica de crianças, jovens e pais
Author(s)Cruz, Judite Zamith
KeywordsFormação do carácter
Intervenção psicológica
Avaliação de programa
Training of character
Psychological intervention
Programme assessment
Issue date2009
PublisherAssociação para a Investigação e Desenvolvimento Sócio-Cultural (Agir)
Abstract(s)Vivemos com pressões sociais contraditórias com o bem-estar subjectivo e saúde física e psicológica: ansiedade de desempregados a professores, pobreza enraizada, divórcio mais frequente do que no passado, entre outros riscos acidentais para que repensemos a educação na vertente de formação de carácter, sabendo-se também que imagens de violência (em vídeo games, na rua, em casa e nos media) permitem imitarmos a violência, não conscientemente mediada. Nessas condições de desequilíbrio antigamente inusitadas, sabe-se que a hormona cortisol, se aumentada por activada em continuidade, pode afectar o hipocampo de forma temporária ou permanente. Assim, crianças sujeitas a traumatismos continuados (abuso, isolamento e/ou negligência) podem ter essa zona do cérebro emocional lesionada, quando seja o hipocampo a provocar-lhes explosões emocionais, falhas de memória e angústia, incapacidade na resolução problemas ou na aquisição e desenvolvimento da linguagem. Por conseguinte, pensou-se ensinar pessoas a serem mais fortes para melhor enfrentarem riscos e prevenirem problemas biopsicossociais – ansiedade, terrores nocturnos e pesadelos, entre outros sintomas e perturbações, nomeadamente, na infância e adolescência. Conotou-se o modelo de trabalho psicológico com a formação do carácter por envolver o afecto (por expressão e compreensão de emoções/sentimentos em si e em outros), a conduta (por actividades de jogo cooperativo, resolução de problemas interpessoais, técnicas de relaxamento, incentivo a expressão de humor); e cognição (por dramatizações, «modelagem positiva» e recurso a «biblioterapia» seleccionada). Apresenta-se a análise dessa Investigação-Acção, expondo certas actividades-modelo e perguntas dos grupos-alvo e respostas ajustadas aos seus níveis de desenvolvimento, bem como os resultados de utilização de questionário sobre stress, com base em histórias contadas e sintomas manifestos. Não é fácil saber por que é que a expressão artística e o jogo são tão eficazes na área emocional e de resolução de problemas e deixam de ser praticados, à medida que se cresce. É possível que permitam estabelecer um corredor rápido entre o cérebro emocional (LeDoux, 1996) e a parte do cérebro pensante (córtex cerebral). Nas acções empreendidas, a descarga e o reconforto emocionais fizeram parte dos processos criativos e reflexivos, imprimindo alívio tal como nas psicoterapias e nas intervenções que proporcionem defesas imunológicas para doenças físicas.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/12606
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEd - Textos em volumes de atas de encontros científicos nacionais e internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Programa psicológico de formação do carácter.pdf284,75 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID