Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/11757

TitleReminiscência enquanto ferramenta de trabalho com idosos : vantagens e limitações
Author(s)Gonçalves, Daniela C.
Albuquerque, Pedro Barbas
Martin, Inácio
KeywordsMemória
Reminiscência
Depressão
Idosos
Terapia de reminiscência
Psicoterapia
Reminiscence therapy
Intervention
Older adults
Issue date2008
PublisherInstituto Superior de Psicologia Aplicada
JournalAnálise Psicológica
Citation"Análise Psicológica." ISSN 0870-8231. 26:1(Jan./Mar. 2008) 101-110.
Abstract(s)O objectivo deste artigo é analisar a importância da reminiscência enquanto estratégia terapêutica junto de idosos. Explora-se o conceito de reminiscência tal como decorre no quotidiano e analisa-se o seu surgimento como estratégia de trabalho com idosos, considerando os seus principais âmbitos de intervenção, desde moldes preventivos, como a adaptação à institucionalização, até níveis remediativos, como a estimulação do funcionamento cognitivo em quadros demenciais. Por fim, listam-se aquelas que se consideram ser as principais limitações inerentes à Terapia de Reminiscência no trabalho com idosos, nomeadamente a ausência de modelos estruturados de intervenção e as lacunas referentes a estratégias intencionais de avaliação de eficácia dos mesmos. Apresentam- se algumas estratégias promotoras da eficácia da Terapia de Reminiscência.
The main objective of this paper is the analysis of reminiscence, naming is advantages and limitations as an intervention tool towards older adults. We first consider reminiscence as a daily happening, constrained by the social and historical background of the participant. We then describe the adaptation of this strategy to the work with older adults, in prevention or remediation, such as adaptation to institutions or cognitive stimulation in dementias. Finally, we list the main limitations in reminiscence therapy, namely the absence of structured intervention models and the shortfall of strategies to assess their efficiency. We consider some of the possible strategies to promote the accuracy of reminiscence therapy.
TypeArticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/11757
ISSN0870-8231
Publisher versionhttp://www.scielo.oces.mctes.pt/scielo.php?pid=0870-8231&script=sci_serial
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIPsi - Artigos (Papers)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ref#21.pdf59,4 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID