Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/10708

TitleMedidas para incrementar a cooperação entre as universidades do espaço hispano-luso e outros actores sociais no âmbito da diversidade funcional
Other titlesMeasures to develop the cooperation between the universities of hispanic-portuguese space and other social actors in reach of the functional diversity
Author(s)Petronilho, Fernando
Magalhães, Maria Manuela Almendra
Machado, Maria Manuela Pereira
Miguel, Nazaré
KeywordsDiversidade funcional
Escola inclusiva
Ensino superior
Functional diversity
Inclusive school
Higher education
Issue dateJul-2008
CitationUNIVERSIDADE DE SANTIAGO DE COMPOSTELA – “Aqui pintamos todos : curso de verán universidade e discapacidade : descubrindo capacidades e xerando futuro, Santiago de Compostela, 2008. [Santiago de Compostela : USC, 2008].
Abstract(s)A entrada no ensino superior constitui para a pessoa/estudante um desafio, e um momento de transição entre dois níveis de ensino, não só pelas mudanças que produz, mas também pelas constantes adaptações que exige ao nível de um novo contexto, dos conteúdos, métodos de ensino, avaliação e novas estratégias de estudo. À pessoa/estudante com necessidades educativas especiais, inserida numa universidade além deste processo de transição acresce a sua singularidade. A Universidade deve ser um espaço de inclusão - UNESCO – Declaração de Salamanca 1994 e Dakar 2000, e de igualdade de oportunidades – Comunidade Europeia – 1996. Por tudo isto, a universidade e os parceiros sociais devem promover a acessibilidade, acautelando a mobilidade na diversidade. Este conceito assenta em vários pilares: acessibilidade arquitectónica; tecnológica e acrescentaríamos a acessibilidade humana. É necessário que todos trabalhem em conjunto, de modo a garantir ao cidadão com necessidades educativas especiais o direito a uma escola inclusa, um perfeito direito de cidadania activa com igualdade de oportunidades. As Universidades devem também preocupar-se em definir modelos de cooperação no espaço intra e inter-universitarios do país, no espaço Europeu e em particular, pela proximidade/acessibilidade no espaço Hispano – Luso. Este trabalho desenvolve-se analisando os conceitos do novo paradigma da diversidade funcional, descrevendo a realidade do espaço Europeu e Luso no processo de inclusão do estudante com necessidades especiais, concebe um plano de intervenção a nível universitário, e por último faz um reflexão sobre as medidas para incrementar a cooperação entre as universidades do espaço Hispano – Luso e outros actores sociais no âmbito da diversidade funcional.
The entrance to an higher education constitutes challenge for the person/student a, and a transition moment between two levels of education, not only because of changes that are produced, but also because of the constant adaptations that are demand in the level of a new context, of the contents, education methods, evaluation and new strategies of studing. For the person/student with special educative needs, inserted in a university beyond this process of transition increases its singularity. The University must be an inclusion space - UNESCO - Declaration of Salamanca 1994 and Dakar 2000, and of equality of chances - European Community - 1996. Because of all this, the social university and partners must promote the accessibility, assuring mobility in the diversity. This concept is supported an some basis: architectural and technological accessibility and we would add the human being accessibility. It is necessary that all work together, in order to guarantee the citizen with special educative needs the right to an enclosed school, a perfect right of active citizenship with equality of chances. The Universities must be worried in defining models of cooperation in the space in and between student college’s of the country, in the European space and particular, for the proximity/accessibility, in the Hispanic-Portuguese space. This work is developed analyzing the concepts of the new paradigm of the functional diversity, describing the reality of the European and Portuguese space in the process of special inclusion of the student with needs, conceives an intervention plan at the university level, and finally it makes a reflection on the measures to develop the cooperation between the universities of the Hispanic –Portuguese space, and other social actors in reach of the functional diversity.
TypeLecture
URIhttp://hdl.handle.net/1822/10708
Peer-Reviewedno
AccessOpen access
Appears in Collections:ESE-CIE - Comunicações / Communications

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
artigo RPE.pdfAnálise da problemática dos alunos do ensino superior com necessidades especiais, no espaço Hispano-Luso.322,96 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID