Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/10491

TitleAs práticas educativas de enfermeiros à pessoa colostomizada, num contexto hospitalar
Author(s)Moreira, Ana Paula Miranda Torre
Advisor(s)Antunes, Maria da Conceição Pinto
Issue date4-Nov-2009
Abstract(s)Há algum tempo que os enfermeiros se vêm interessando em estudar a educação para a saúde, não só pela sua importância no âmbito das suas competências mas, também, pelos desafios que assume a sua aplicabilidade na prática do cuidar. O interesse por esta problemática conduziu-nos para o desenvolvimento de uma investigação no âmbito das práticas educativas dos enfermeiros à pessoa colostomizada. Atendendo a que o ser humano se sente instalado na vida com tanta naturalidade que nem sequer equaciona a eventualidade de vir a ser uma pessoa colostomizada e que esta experiência tem repercussões em todos os níveis da vida de uma pessoa, obrigandoa à realização de mudanças e ajustes e à mobilização de todos os recursos disponíveis para o seu processo de reeducação e reabilitação, consideramos que a função educativa do enfermeiro se reveste de uma importância primordial no quotidiano das práticas de enfermagem. Com a realização deste trabalho pretendemos compreender como os enfermeiros cirurgia de um contexto hospitalar desenvolvem as suas práticas educativas à pessoa colostomizada, bem como estes construíram as suas competências em EpS no âmbito da estomaterapia. Na primeira parte deste trabalho, apresentamos a pesquisa bibliográfica no âmbito das colostomias, dos conceitos Saúde, Educação, Educação para a Saúde/Promoção da Saúde e a consequente importância da actividade educativa do enfermeiro à pessoa colostomizada. Numa segunda parte, apresentamos o estudo que se reveste de natureza exploratória e descritiva, de cariz qualitativo. Como instrumento de recolha de informação recorreu-se a uma entrevista semiestruturada, aplicada a treze enfermeiros a exercerem funções em serviço de cirurgia, numa instituição hospitalar. Os resultados que ressaltam desta investigação sublinham que, apesar de toda a importância atribuída à temática da EpS à pessoa colostomizada, os enfermeiros demonstram pela sua praxis que se distanciam deste desafio, apresentando uma visão redutora relativamente à abrangência desta e uma visão tradicionalista, orientada para acções avulso e algo despersonalizadas.
Some time ago nurses became interested in studying the education for health, not only for the importance of its competences, but also for challenges taken by its application to the care practice. The interest in this point led us to the development of an investigation, concerning the educational nursing practices on the colostomized person. Regarding the fact that the human being feels so naturally settled in life that he not even consider the eventuality of becoming a colostomized person, and that this experience has effects on every level of a person’s life, forcing to the realization of changes and adjustments, and the mobilization of all the available resources for his reeducation and rehabilitation process, we think that the nurse’s educational function takes great importance in daily nursing practices. With this project we intend to know the educational nursing practices on the colostomized person in a clinical context, as well as to understand how nurses built their skills in education for health, in the field of stomatherapy. In the first part of this project we present the bibliographic research about colostomies, health concepts, education, education for health/health promotion and the consequent importance of educational nursing activity on the colostomized person. In a second part we present the study that takes an exploratory, descriptive and qualitative nature. As a process of gathering information we turn to a semi-structured interview, applied to a thirteen nurses working in the surgery service, in a hospital. The results rising from this investigation underline that in spite of all the importance given to the education for health topic on the colostomized person, nurses show by their praxis, they keep away from this challenge, presenting a reducing view concerning its reaching and a traditional view, directed to detached and a little depersonalized actions.
TypemasterThesis
DescriptionDissertação de Mestrado em Educação (área de especialização em Educação para a Saúde)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/10491
AccessrestrictedAccess
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Mestrado_PratEducEnfermPesColostomizada.pdf1,42 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy!

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis